Google+

Transmídia Orgânico

By Fernando Collaço , In , , , ,

Tomarmos as experiências transmídia em ficção realizadas pelo português Nuno Bernardo frente à sua empresa, beActive, é também nos permitir observar incursões por esse mundo da convergência de mídias sob um prisma diferenciado. O ponto de partida de Nuno para suas produções e estudos, os quais possibilitaram o lançamento do livro The Producer’s Guide to Transmedia em 2011, está calcado, sobretudo, nas experiências agregadas no decorrer da produção daquilo que ele intitula como transmídia orgânicos ou franquias transmídia originais.


O conceito se baseia no desenvolvimento de um processo no qual uma única narrativa é inicialmente lançada em um número restrito de plataformas, às quais cabe a tarefa de introdução de parte do universo narrativo e os primeiros passos na conquista de uma audiência. A partir disso, seu diferencial está na expansão gradual desse mesmo universo narrativo através de mídias online e offline, mas com a característica de que a própria história demande ou gere, como um organismo em crescimento, as razões e os pontos de inserção das mídias necessárias para o desenvolvimento daquilo que se pretende contar, transformando o processo mais fluido e justificável, com mídias fortemente ligadas e enraizadas no universo narrativo.
    Diário de Sofia é um dos produtos da beActive que se configura enquanto tal. Sua presença inicial estava restrita ao universo online representado pelo blog pessoal da personagem, mas o qual encontrou uma possibilidade de expansão na ocasião em que a mesma foi presenteada com um celular, gerando assim a utilização do mesmo enquanto uma entrada de SMS e vídeos na história, aumentando o leque de interação. Outros produtos já lançados pela beActive também trabalham nesse sentido, como o Final Punishment e Flatmates


      Esse processo, além de permitir a criação de um público mais fortemente conectado com a trama, uma vez que a vê em expansão e se entende ainda mais enquanto parte do processo, busca atingir audiências de forma mais direcionadaviabilizar financiamentos com auxílio de números mais palpáveis obtidos da obra em andamento. A inserção dos mobile no universo narrativo de Sofia, por exemplo, permitiu assim parcerias com operadoras de telefonia facilitando, por um lado, a ampliação de sua atuação em determinados nichos de mercado e, por outro, o retorno financeiro para o produto garantindo sua rentabilidade e continuidade.
     Variável interessante e menos híbrida no campo das narrativas transmídia, os orgânicos, apesar de uma aposta que demanda o esforço do crescimento paulatino, cria raízes fortes que sustentam a história e criam um universo sólido e consistente podendo ser a chave de sucesso para muitas produções que pretendem utilizar a estratégia multiplataforma. 

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...